Quem sou eu

Minha foto
Nutricionista Clínica, esportiva, gestacional e infantil. Consultório em Alphaville (Tel: 4175-9777) há 12 anos, com técnicas bem inovadoras e diferenciadas, focando especialmente no bem estar psicológico e emocional do paciente. Reeducação alimentar associada à Gastronomia para resultados definitivos e uma rotina agradável!

terça-feira, 14 de maio de 2013

Qual seu tipo de TPM e como lidar com ela?


Você incha? Tem vontade de comer todos os doces do supermercado? Ou falta ao trabalho para passar o dia na cama de tanta cólica e enxaqueca? Se nem sabe o que é isso, tem muita sorte, porque 80% das brasileiras com idade entre 18 e 35 anos têm tensão pré-menstrual, segundo pesquisa da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) em parceria com o Centro de Pesquisa em Saúde Reprodutiva de Campinas (Cemicamp). Os sintomas atrapalham as atividades domésticas de 60% das participantes, enquanto 65% delas afirmaram ter o desempenho profissional afetado. "As variações podem ser físicas ou emocionais, causadas pela mudança hormonal, e atuam de formas diferentes em cada mulher", diz a ginecologista Rosa Maria Neme, diretora do Centro de Endometriose São Paulo e consultora de WH. Descubra qual é o seu tipo e como domar esse lado negro que se manifesta em você todos os meses.





Tipo A - "Tolerância zero"
Tem os sintomas mais clichês da TPM: irritabilidade, oscilações de humor, agressividade, ansiedade e nervosismo. Os sintomas estão relacionados aos altos níveis de estrogênio em comparação aos de progesterona. Não é à toa que nesse período fica quase impossível não xingar até a décima quarta geração daquele motorista que fechou você no trânsito.

Relaxe
Coloque na agenda sessões obrigatórias de massagens, assista aos lançamentos de DVD no aconchego da cama ou monte um set list com músicas calmantes, como as instrumentais ou que simulem sons da natureza, para ouvir no carro, durante o banho, enquanto cozinha... Alongar-se ou fazer posturas de ioga por alguns minutos diariamente também vai deixá-la mais zen.

Fuja
Procure evitar ambientes que possam gerar situações de stress, como shopping centers no final de semana, bancos cheios ou reuniões de trabalho importantes.

Tenha mais prazer
Alimentos com vitamina B6 estimulam a produção de serotonina, hormônio ligado ao bem-estar. Ela está na soja, no pão integral, na lentilha, no atum, nas carnes, nos grãos integrais, na batata e na soja. Também inclua na dieta alimentos como banana, grãos integrais, peito de peru, peixe, produtos à base de soja, ovo, feijão, grão-de- bico, fontes de triptofano.. Baixos níveis desse aminoácido (precursor da serotonina) causam o mau humor.

Tipo B - "Só mais um chocolatinho?"
A fase pré-menstrual vai abrir seu apetite. Tanto que não será uma surpresa se você se deparar com um pote de sorvete vazio no final do capítulo da novela das 9. "O impulso de ingerir doces nessa fase está ligado a uma alteração dos neurotransmissores cerebrais, principalmente a serotonina, que gera uma alteração no centro de controle do apetite", afirma a ginecologista Rosa Maria Neme. Mas não é só isso. É bem provável que o cansaço, as palpitações e as dores de cabeça apareçam com frequência. Mulheres desse grupo apresentam maior tolerância a carboidratos.

Sem exagero
Como a vontade de devorar doces estará maior do que de costume, deixe chocolates, sorvetes e outras guloseimas de fora da lista do supermercado. Você não quer terminar seu ciclo pesando 3 kg a mais na balança, quer? No lugar, vá de frutas com mel. Tá bom... e um bombom por dia.

Mude o foco
Você sabe exatamente onde as tentações moram. Se tiver uma festa de criança, escolha uma mesa do lado oposto da dos docinhos, e passe reto pela seção de sobremesa no cardápio do restaurante. Continua difícil? Aumente a ingestão de triptofano (o mesmo elemento milagroso que acaba com o mau humor). Ele controla a queda na taxa de serotonina, responsável também pelo apetite de formiga.

Drible a tentação B
Comer de 3 em 3 horas nunca foi tão importante como agora. Para manter os níveis de glicose constantes no sangue (e evitar picos de vontade de devorar doces), coma um punhado de castanhas com frutas secas no intervalo das refeições.

Tipo C - "Ó vida, ó céus, ó azar"
Influencia, sobretudo, o lado emocional. As mulheres desse grupo ficam ansiosas, estado que as leva a ter insônia, e deprimidas, podendo sofrer com crises de choro sem motivos concretos. Tudo causado pela redução de estrogênio e do aumento da progesterona.

Sorria para a vida
Sabe aquela amiga que só fala bobagem e faz você rir sem parar? Escale-a para ver uma comédia no cinema ou para uma maratona dos seriados Two and a Half Man ou Modern Family. Aulas coletivas como dança de salão e lutas marciais podem melhorar seu humor.

Cuide de você
Adote uma postura mais egoísta nesses dias e se afaste de pessoas que só a procuram para desabafar problemas. Essa não é a hora de tentar resolver a vida de ninguém. É bem provável que o baixo-astral da colega de trabalho que terminou o namoro deixe você ainda mais down.

Use um estimulante
Ponto para as mulheres que gostam de café: a bebida tem efeito animador, graças à cafeína. Não é muito chegada no grão? Vá de chá preto. Mas a dose permitida é apenas 1 xícara, pois em excesso a cafeína estimula o sistema nervoso central, piorando os sintomas de irritação, nervosismo e dores de cabeça.

Tipo D - "Minhas calças não entram!"
Pode até ser considerada a forma mais branda mas saber disso não é exatamente um alívio se você pula um manequim de uma semana para a outra. Lá vem inchaço causado pela retenção de líquidos, sensibilidade nos seios e dores nas pernas. Um saco, não é?

Mexa-se
Combata a retenção de líquidos com drenagens linfáticas, exercícios físicos (as aulas de jump vão fazer milagres por você) e aumente a frequência do sexo. Sua autoestima agradece: os centímetros a mais nas suas curvas podem até irritá-la, mas não o seu parceiro.

Nada de roupas novas
Deixe para conferir as promoções das suas lojas preferidas após a menstruação. Caso contrário, é bem provável que você compre uma peça que depois ficará com tecido sobrando.

Enxugue as medidas
Alimentos ricos em potássio, como a melancia, o melão, o abacaxi, o pepino, o agrião, a salsinha, a alcachofra e a água de coco são essenciais. Invista também em chás diuréticos, como o de cavalinha, o de dente-deleão e o de carqueja.

Lista negra
Descubra os alimentos dos quais deve fugir se nos dias anteriores à menstruação você...

...Devora doces
Produtos industrializados, com muito glutamato monossódico (aditivo presente em temperos e molhos, sopas enlatadas e refeições congeladas).

...Sente dores de cabeça
Evite adoçantes e carnes embutidas, como linguiça, presunto, salsicha e salame. O café, o refrigerante e bebidas alcoólicas também pioram os sintomas.

...Sofre com o inchaço
Diminua o consumo de sal e de alimentos industrializados. ...É o mau humor em pessoa Consuma cafeína com moderação porque ela aumenta o stress nesse período.

E se não for apenas TPM?
Se você assume uma segunda personalidade toda vez que os dias vermelhos se aproximam, pode ser que sofra da desordem disfórica pré-menstrual (DDPM), a forma mais severa da tensão pré-menstrual. "A qualidade de vida da mulher é muito afetada, podendo interferir em seu trabalho, nas atividades do dia a dia e nos relacionamentos pessoais", afirma a ginecologista Isabel Corrêa, do Centro de Medicina Reprodutiva Humana Huntington, no Rio de Janeiro. Acredita-se que a doença atinja de 2 a 9% da população. Para saber se você faz parte desse grupo, assinale os sintomas do quadro abaixo. Identificou-se com pelo menos cinco deles? Então é necessário procurar um especialista para definir seu tratamento. "Ele pode incluir desde o uso de vitaminas e fitoterápicos até medicações mais potentes, como antidepressivos. A psicoterapia também pode ajudar, desde que seja prescrita pelo médico", afirma a ginecologista Rosa Maria Neme. "Outra forma de minimizar os sintomas seria por meio de um novo contraceptivo que apresenta estrogênio natural (valerato de estradiol) em vez do sintético (etinilestradiol)", completa. Mas isso também só um especialista pode receitar.

FONTE: ABRIL

SE VOCÊ GOSTOU DESTE POST, CADASTRE-SE PARA ACOMPANHAR O BLOG  POR EMAIL NO LINK AO LADO DESTE POST
OU CLIQUE CURTIR NO FACEBOOK NA FAN PAGE ABAIXO, PARA LER NOTÍCIAS NA SUA PÁGINA: www.facebook.com/nutricionista.alinelamarco

Instagram: @nutri.aline

Nenhum comentário: